TwoBaby

Em Breve!

Em Breve!

domingo, 7 de setembro de 2014

Menos Pitaco Ok?!

Olá meninas, resolvi escrever sobre um assunto um pouco chato pitacos, gente enxerida, que se acha no direito de querer escolher ou dar palpites na criação e modo de lidar com o bebe...
Vou citar um pouco de minha experiência, aqui todo mundo que convive comigo conhece bem meu temperamento, sou doce, meiga mas me tira do sério que dou mais coice que égua brava , então as coisas ficam nos "conselhos" , ninguém passa por cima das minhas decisões e escolhas em relação a Ryan...
Absurdos que já ouvi:

*Ele só mama no peito? , tadinho dá água para essa criança se não a moleira fica baixa.

Já ouvi essa e nunca entendi qual a relação da água com a moleira rs, leite materno já tem água ou melhor tem tudo que o bebe precisa!

*Quase 6 meses e não come nada? nem uma frutinha? suquinho? só leite materno ? deve ficar com fome coitadinho.

Bebe que mama exclusivo no peito a introdução alimentar é feita a partir de 6 meses.

*Soluço? é frio , bota um casaquinho, dá água gelada que passa o0 

Também não entendo a relação com o frio, e água gelada para bebe... fala sério.

*Dorme na cama? vai sufocar ele , depois não tira mais acaba com o casamento...

Não vai sufocar, meu filho é bem cuidado, entramos em acordo para mante lo na cama, o que acaba com casamento pode ter certeza que filho não é ;-)

*Colo deixa "baldoso"...

Ganha todo colo do mundo, pois é curta a fase de colo e eu quero aproveitar, Ryan vive no colo inclusive dorme no colo.

*É birra deixa chorar

Acho monstruosidade deixar um bebe chorar, ganha colo, e nunca deixo ele chorar sem pegar, largo tudo que estiver fazendo, até se estou no banheiro paro no meio se precisar, dou total atenção.

*Taca chupeta , ele faz seu peito de bico..

O peito é meu , antes o bico do meu peito do que uma coisa gelada de borracha, tenho meus motivos e nunca vou oferecer chupeta para meu filho, aos que oferecem respeito pois cada um sabe de si não é mesmo?

*Se não se cuidar logo engravida de novo, já imaginou que horror duas crianças pequenas para cuidar?

Me cuido, mas se viesse outro ficaria feliz não vejo horror, logo estou planejando o segundo então terei duas crianças pequenas em casa.


Em alguns relatos de amigas ainda é pior, já soube de vó dando danone escondido, adoçando chá com açúcar, estranhos da rua querendo tapar a criança por julgar estar frio, todo tipo de invasão possível, acho muito chato e desagradável, aqui tenho muito apoio e incentivo das pessoas na amamentação exclusiva, mas muitas não tem, lembrando que alguns bebes tem alergias a mais comum é a lactose , imagina se a pessoa oferece um danone ou biscoito sem a mãe saber e dá alguma reação na criança?! 
Mamães se imponham digam suas vontades, sei que muitas dependem de ajuda de terceiros o que faz com que se sintam no direito de opinar ainda mais se moram na mesma casa ou dependem de ajuda financeira ou utensílios para o bebe... 
Mãe é mãe, sabe das coisas, deixem tudo as claras, ninguém além dos pais sabe o que é melhor para o filho, e o que é bom para mim pode não ser para você, escolhas diferentes entende?
Vamos impor nossas vontades em relação a nossos filhos, e respeitar a decisão das outras mães, orientação é uma coisa intromissão é outra ;-) 

Uma boa semana a todas, muitos positivos!!!!


Deixo meus mais sinceros sentimentos a amiga Lyanna:









7 comentários:

Thalita Loraynny disse...

Nossa, estou sentindo na pele essa coisa de pitaco, mas comigo é em relação a gravidez, e tem me irritado muito. Inclusive falo disso no meu post.
Não estou sabendo resolver a situação, eu falo que não gosto, e isso faz as pessoas acharem que sou chata.
É complicado, se achar uma dica de como lhe dar com isso, nos passe.
Bjus***

Jessica Araujo disse...

Ameiiii o seu texto... dá até vontade de compartilhar... Meu Deus como existe gente intrometida... e nem tentando estou a já recebi mil e um palpite de como devo criar o meu filho.
Acredito que a mãe é quem sabe o melhor pro seu filho, muito mais que um médico ou mãe de 12 crianças.
Quero ver como vai ser aqui que vivo com um monte de palpiteiro intrometido...
Bjks
http://trajetoriadeumamae.blogspot.com.br/

Luiza Silva disse...

Ah tiff@ odeio isso tambem é horrivel !

http://minhadoceangelita.blogspot.com.br/

Gui Tentante disse...

OI Flor,

Acho que deveria ter um curso ou algo do tipo para ensinar esse povo parar de ser tão intrometido assim, esse povo é dose viu !

Adorei o seu post, fico imaginando quando eu tiver gravida e com meu filho, como sera que vai ser né?!

Beijo beijo
Gui
umdiaeuvousermamae.blogspot.com

Mi Alex H. Sakurai disse...

Minina, nem me fale nisso. A minha acabou nascendo mesmo antes da hora, era p/ depois de 3 de novembro, nasceu dia 8 de setembro (Ela ainda esta no hospital, ta quase saindo \o\). Uma data cheia de recordações terríveis para mim e ela foi nascer justo nela, e contra todas as expectativas, de parto normal (não achei vantagem nenhuma nisso ate agora. Ainda estou procurando a placa do caminhão que me atropelou u_U). Minha filha nem tinha nascido e os pitacos já estavam sendo dados. Agora que nasceu e todos sabem que é menina, to me segurando p/ não voar no pescoço de certas pessoas que querem passar por cima de mim e so enfiar coisas cor de rosa nela. E eu tenho horror a cor de rosa, tenho trauma patológico a essa cor, é sério x-x E as pessoas não estão me respeitando quanto a isso e quanto a criação neutra que o pai e eu decidimos dar a ela, principalmente pelo fato de eu ser Transgênero FTM. Não sabemos se ela vai me puxar nisso e não quero que ela passe pelas coisas que eu passei, é claro. Nos sempre queremos o melhor parar nossas crias <3
Ainda não escrevi a historia do nascimento dela no meu blog, quando o fizer, colo o link p/ vc ler pq to mudando o endereço dele e tudo o mais.
Beijos ^^/

Tiff@ disse...

Mi, seguinte mesmo as pessoas ainda não respeitem e torcem o nariz, bate de frente, quem der roupa rosa, faz trocar por outra cor, ou vai na loja e troca, não deixe que ninguém passe por cima da sua autoridade só quem sabe o melhor para sua filha é você e seu marido, se deixar uma vez o povo "cresce" em cima mesmo, tem que cortar as azinhas rs , muita gente se acha experiente por já ter filhos, mas tem também quem não tem e se acha expert no assunto é um saco isso rs

sandroplancton disse...

Não conhecia esse termo "maternagem", só agora depois de ler seu post no blog.
Ouço sempre minha mãe, que me ajuda a beça, mas passo pelas mesmas situações, que você descreveu acima, com outras pessoas.
Outro dia fui a casa de um amigo com minha filha e marido. Estávamos conversando distraído enquanto a deixei dormindo. A irmã dele (que eu nem conhecia) a pegou assim que acordou e quando percebi estava dando água para ela (e tinha apenas 4 meses). Tentei não ser chata, disfarcei a reprovação e peguei meu baby. Nada de ser hostil, mas tem momentos...
Abraço e obrigada pela informação. Sil ;)

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião é importante para o crescimento e qualidade do Blog. Gratidão!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.